Com um instrumental bem variado e um conceito intenso e sentimental o novo trabalho do quarteto gaúcho, Treze Black faz jus ao título.

Segundo os integrantes da banda formada por Diandro Soares (vocal) Gabriel Leão (guitarra), Rodrigo Fursten (baixo) e Felipe Krauser (bateria), o título é inspirado no ser mitológico com partes de diversos animais, e foi usado para simbolizar as mudanças de ritmo nas músicas, as influências de cada integrante e narrar a mistura de sensações que a temática do EP aborda.

E realmente o disco traz diversos elementos que nos remetem a bandas como Black Label Society, Iron Maiden, Worst, Paura com elementos de thrash, heavy e até mesmo doom, além da boa e velha quebradeira hardcore com breackdowns muito bem colocados.

Por ser um material com poucas faixas a banda conseguiu manter um trabalho bem coeso e linear, ou seja todas as faixas estão muito bem produzidas e transpiram criatividade e personalidade.

Outro detalhe que chama atenção é a parte lírica muito bem trabalhada em cima do conceito que permeia o trabalho. Ao mesmo tempo que são simples e diretas trazem uma carga sentimental intensa que prende o ouvinte do começo ao fim.

Simplesmente um pouta discão!!!!