Embora o Slayer esteja atualmente na etapa final de sua turnê de despedida, ainda há muitas coisas relacionadas ao Slayer por vir. O gerente de longa data da banda, Rick Sales, falou recentemente com o Masslive.com e falou sobre o iminente “fim”:

“A banda sempre teve muita integridade, há algumas coisas que acontecem. Eu entendo totalmente que eles decidiram parar de fazer turnês. Isso não significa o fim da banda. É apenas o fim das turnês. Eu sempre pensei nisso como ‘Você sai por cima’. Eles tomaram essa decisão. Eles não estão enrolando. Desse ponto de vista, eu entendo e eles fizeram a escolha certa.”

Em uma entrevista separada com a Pollstar, Kristen Mulderig, que trabalha no Rick Sales Entertainment Group, deu algumas dicas sobre o que os fãs podem esperar quando a banda se afastar de seu status ativo:

“Estamos no modo legado, o que é muito para fazer, mesmo que eles não gravem ou estejam na estrada. Eles ainda têm seus endorsers, ainda há produtos e marcas para fazer – coisas à lincenciar e sabe-se mais o que? Talvez apresentar algum tipo de evento baseado no Slayer. Isso é tudo o que estamos pensando e falando. O Slayer vive, absolutamente.”

As datas para a etapa final da turnê de despedida do Slayer, com Primus, Ministry e Philip H. Anselmo & The Illegals, estão atualmente passando pelos EUA, e terminam em 30 de novembro.

Fã de sludge/stoner/doom e bandas pontuais de várias outras vertentes. Paulistano esperando a volta segura de shows, fã de uma boa competição, seja ela qual for. Aqui na Rede Metal faz curadoria e publicação de conteúdo e toda parte administrativa e estratégica.