O Reino Unido tem um sistema nacional público de saúde aliado às políticas de prevenção de seus responsáveis governantes, que têm consciência de que suas ações implicam diretamente na prevenção de vidas humanas, portanto, não é surpresa que a Inglaterra tenha sido muito rápida em controlar sua crise de coronavírus. Com novos casos diminuindo desde meados de maio e totalizando agora menos de 30.000, o governo do Reino Unido está permitindo que os shows ao ar livre sejam retomados a partir deste final de semana – desde que os locais mantenham “um público limitado e socialmente distanciado”.

Como relata a Kerrang!, o anúncio foi feito pelo secretário da Cultura, Oliver Dowden. Ele chamou isso de “um marco importante para nossos artistas performáticos, que esperam pacientemente nos bastidores desde março”. Dowden adicionou:

“É claro que não veremos multidões inundando os locais, mas a partir de 11 de julho nossos teatros, óperas, shows de dança e música podem começar a apresentar performances ao ar livre para públicos socialmente distantes. Isso significa que os espectadores podem assistir a uma peça ao vivo pela primeira vez em meses em lugares como o impressionante Minack Theatre, na Cornualha, e os amantes da música podem assistir a Glyndebourne neste verão.”

Isso significa que significa que eles nem estão esperando pela conclusão do primeiro local socialmente distanciado da Grã-Bretanha (foto). Com este anúncio, o Reino Unido entrou no estágio três de seu “roteiro de cinco estágios” para trazer de volta performances ao vivo. O país também lançará um programa piloto para explorar com segurança eventos internos, como preparação para o estágio quatro.

Nota do editor: Esperamos dias melhores por aqui no Brasil. Para a nossa realidade, tal medida ainda está muito no futuro. enquanto isso, mantenha-se seguro, se previsa, saia apenas quando necessário, e, apesar de parecer, o período de quarentena ainda não acabou!

Fã de sludge/stoner/doom e bandas pontuais de várias outras vertentes. Paulistano esperando a volta segura de shows, fã de uma boa competição, seja ela qual for. Aqui na Rede Metal faz curadoria e publicação de conteúdo e toda parte administrativa e estratégica.