O baixista do SABATON, Pär Sundström, falou recentemente com a United Rock Nations da França. Alguns trechos a seguir (conforme transcritos pelo Blabbermouth.net e traduzidos pela Rede Metal).

Sobre a estréia de “Fields Of Verdun”, o primeiro single do novo álbum do grupo “The Great War”, através de uma capa da APOCALYPTICA:

Pär: “Gosto muito da versão deles. Foi uma idéia. Fui a Madri para me encontrar com os caras da APOCALYPTICA, porque tinha a ideia do que talvez poderiamos fazer, então eu queria vê-los eu fui ao show deles. Gosto da banda; gosto do conceito da banda. Fui vê-los e conhecer os caras, expliquei a ideia e eles disseram: ‘Uau, isso é muito legal’. Eu disse: ‘Precisamos fazer isso antes que a música seja lançada, para que as pessoas fiquem um pouco chocadas’, e as pessoas ficaram chocadas. “

Sobre se o grupo sentiu alguma “pressão” extra para fazer um bom álbum, já que atualmente é o 20º aniversário da banda:

Pär: “Sempre temos muita pressão quando fazemos um álbum. Eu diria que cresce a cada álbum. Aniversário de 20 anos ou não, seria o mesmo de qualquer maneira. O aniversário de 20 anos não nos afetou. Nós pensamos sobre isso, e muitas pessoas pensavam: ‘Oh, você tem que fazer uma turnê em que toca músicas antigas e fazer reedições de todos os álbuns’ e não queríamos façamos isso. Vamos nos concentrar no futuro da SABATON em vez do passado. “

Sobre a inspiração para escrever um novo álbum “The Great War”:

Pär: “O que estamos fazendo há muitos anos é que muitas das coisas que cantamos são idéias enviadas pelos fãs… Algumas das idéias deste álbum não saberíamos se não fossem por nossos fãs. Eles contribuem. Desta vez, não teve nenhuma pesquisa, porque tínhamos nossos próprios historiadores, então não precisávamos de nenhuma contribuição histórica, mas de algumas idéias sobre os tópicos. Para a maioria dos nossos álbuns ultimamente , houve muita contribuição dos fãs… Mesmo que a Primeira Guerra Mundial seja menos conhecida do que a Segunda Guerra Mundial nas principais mídias e na cultura popular, ainda temos alguns tópicos que sabíamos que queríamos abordar. Muitos deles saíram de nós mesmos, e alguns vieram de fãs. ‘Attack Of The Dead Man’, que é puramente criado por uma história enviada por nossos fãs. Aqueles que os fãs enviam, é apenas arranhando a superfície. Não queremos ter uma imagem completa de um evento imediatamente. Temos apenas um pouquinho da ideia. Então, pensamos: ‘Que tipo de sentimento traz esso tópico [transmitir]? É um clima feliz? É triste? É um sentimeto horrível e assustador? Qualquer que seja o humor que recebemos do tema, encontramos uma música para ela – uma peça musical que escrevemos – e depois as combinamos. Então, quando pensamos: ‘Ok, isso vai combinar’, começamos a ler e pesquisar… É um tema que nos envolve, por isso ficamos bastante animados ao fazê-lo. É interessante fazer a pesquisa. Por dizer que é interessante tratar sobre a guerra, algumas pessoas podem dizer: ‘Você está promovendo a guerra’. Não é sobre isso. É história.”

Nas letras de SABATON:

Pär: “A guerra não é realmente em preto e branco. A guerra sempre tem uma cor muito cinza, porque é concebida por lados diferentes por quaisquer razões [por que] eles tenham. Em todos os conflitos, há muitos perdedores e muitos pessoas que têm suas opiniões diferentes e pensam que “somos os mocinhos. Eles são os maus”. Para o SABATON, não se trata de tomar uma posição. Nós escrevemos as músicas de diferentes tipos de ângulos o tempo todo, mas elas não são o nosso ângulo. Não estamos lá para dizer: “Isso foi certo. Isso foi ruim”. Estamos lá para contar a história – recontar a história de um lado. Mas eles não são o nosso [lado] “.

O nono álbum do SABATON, “The Great War”, foi lançado em 19 de julho pela Nuclear Blast Records. A banda começou a gravar o disco exatamente 100 anos após o final da Primeira Guerra Mundial (11 de novembro de 1918) e levou três meses de trabalho intensivo para completa-lo com o produtor e colaborador de longa data Jonas Kjellgren nos estúdios do Black Lounge.

Capa e faixas de “The Great War”

sabatonthegreatwarcd
1.The Future of Warfare
2.Seven Pillars of Wisdom
3.82nd All the Way
4.The Attack of the Dead Men
5.Devil Dogs
6.The Red Baron
7.Great War
8.A Ghost in the Trenches
9.Fields of Verdun
10.The End of the War to End All Wars
11.In Flanders Fields
Fã de sludge/stoner/doom e bandas pontuais de várias outras vertentes. Paulistano esperando a volta segura de shows, fã de uma boa competição, seja ela qual for. Aqui na Rede Metal faz curadoria e publicação de conteúdo e toda parte administrativa e estratégica.