No mês passado, Ozzy Osbourne revelou ao Good Morning America que atualmente está lutando contra Parkin II. O Parkin II é uma forma da Doença de Parkinson e, de acordo com Sharon, “não é uma sentença de morte por nenhuma extensão da imaginação, mas afeta certos nervos do corpo”. Em uma nova entrevista ao Los Angeles Times, Ozzy revelou que foi diagnosticado com Parkinson em 2003.

“Não estou morrendo de Parkinson. Venho trabalhando com ele a maior parte da minha vida”, disse Ozzy ao The Times. “Eu enganei a morte tantas vezes. Se amanhã você ler ‘Ozzy Osbourne nunca acordou hoje de manhã’, você não diria ‘Oh, meu Deus!’ Você dizia: ‘Bem, finalmente o alcançou.’ “Ozzy observou que o medicamento que ele toma para seus tremores resulta em perda de memória a curto prazo

Ozzy estava com problemas de saúde em 2019, pois sofria de uma pneumonia e ressurgiu alguns ferimentos antigos (e graves) durante uma queda. Ozzy chamou 2019 de “um dos anos mais fodidos da minha vida”.

Mas Ozzy está avançando e planeja lançar seu novo álbum, Ordinary Man, em 21 de fevereiro. “Tem sido uma carreira incrível e interessante. As pessoas me rejeitaram várias vezes, mas eu continuei voltando e vou para voltar disso. “

Embora Ozzy tenha muitas datas no cronograma, ele ainda não está se comprometendo a cumpri-las. Falando ao Times, ele diz “Quando? Eu não sei”, disse ele. Sobre o retorno ao palco ao vivo, ele acrescentou: “Não quero voltar lá até estar pronto”.

Fã de sludge/stoner/doom e bandas pontuais de várias outras vertentes. Paulistano esperando a volta segura de shows, fã de uma boa competição, seja ela qual for. Aqui na Rede Metal faz curadoria e publicação de conteúdo e toda parte administrativa e estratégica.