Como uma fênix das cinzas, uma lenda surge novamente em 2020: My Dying Bride, que passou por dificuldades algumas vezes nos últimos anos e travou muitas lutas pelo caminho, mas agora a banda britânica de doom metal está orgulhosa em anunciar seu novo álbum de estúdio, “The Ghost Of Orion”, previsto para ser lançado em 6 de março via Nuclear Blast.

O novo disco é o produto de uma banda vibrante e criativa que está mais do que disposta a desenvolver seus sucessos no passado.

Após ter lançado seu primeiro single há alguns dias, a banda o transformou em vídeo clipe, que pode ser

A banda comentou anteriormente:

“Um novo álbum para uma nova era de MY DYING BRIDE, com novas faces e um estilo mais acessível em comparação com alguns de seus lançamentos altamente técnicos do passado. ‘The Ghost of Orion’ apresenta composições não apenas de proporções épicas, mas também de qualidade íntima, dos vocais do death metal aos gritos de dor de um vocalista, o LP vai subir e cair como a bela paisagem de Yorkshire em que foi gravado. Com camadas e mais camadas de guitarras pesadas e harmônicas, Andrew Craighan criou uma rica paisagem sonora que é maravilhosamente épica, aprimorada com violinos e os teclados de Shaun MacGowan, juntamente com o sinistro murmúrio de violoncelo do aclamado violoncelista Jo Quail. E falando de artistas convidados, a voz maravilhosa de Lindy-Fay Hella (Wardruna) acrescenta uma beleza etérea ao álbum.

“Acrescentando seu estilo particular de bateria desta vez, está Jeff Singer, cujas façanhas de percussão elevaram a seção rítmica da banda a outro nível, auxiliada pela estilosa Lena Abe no baixo. Aaron Stainthorpe oferece uma apresentação atraente e muitas vezes perturbadora, com seu próprio particular.” estilo de vocais que oferecem elogios sinceros, juntamente com a carnificina visceral de uma alma dolorida, com letras poéticas de uma qualidade raramente vista neste gênero.Esta coleção de músicas é a banda mais brilhante até agora, aprimorando 30 anos de experiência no trabalho que é “The Ghost of Orion”.

Fã de sludge/stoner/doom e bandas pontuais de várias outras vertentes. Paulistano esperando a volta segura de shows, fã de uma boa competição, seja ela qual for. Aqui na Rede Metal faz curadoria e publicação de conteúdo e toda parte administrativa e estratégica.