O guitarrista Brian May, do Queen, opinou nas redes sociais sobre como passar o período de festas de fim de ano em meio à pandemia do novo coronavírus. O músico recomendou que seus seguidores permaneçam em segurança nos dias finais de 2020 para que possam sobreviver e celebrar o Natal de 2021.

A reflexão foi publicada como legenda de um vídeo do Natal de 2019, em que toca guitarra ao lado da jovem musicista Arielle. “Diversão de natal do ano passado – quando as coisas eram tão diferentes, oh Deus… sem suspeita de que logo estaríamos todos trancados e incapazes de tocar juntos”, disse, inicialmente.

May apontou que os britânicos, em especial, não devem “descartar a cautela e tentar fazer o Natal de 2020 como o anterior”. “É só um Natal, pelo amor de Deus! Não vale a pena passar de forma segura e sobreviver para passar o próximo Natal?”, questionou.

O músico, então, questionou a resposta do primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, à pandemia na região. A postagem do guitarrista foi feita dias antes de Johnson endurecer as restrições de circulação durante o Natal, devido a uma variante do coronavírus, mais transmissível, que surgiu no país.

“O preço do ‘presente’ de Natal em afrouxar para o Natal será milhares de vidas perdidas. Não quero que vocês façam parte das estatísticas. E vocês em outros países, não sei qual a orientação, mas a vacina está chegando – faz sentido ser mais paciente, apenas mais um pouco”, concluiu Brian May.

Fã de sludge/stoner/doom e bandas pontuais de várias outras vertentes. Paulistano esperando a volta segura de shows, fã de uma boa competição, seja ela qual for. Aqui na Rede Metal faz curadoria e publicação de conteúdo e toda parte administrativa e estratégica.