O Bloodbound acaba de lançar um single épico, moderno e dinâmico: “Creatures Of The Dark Realm”. Este single faz parte do lançamento de um álbum homônimo em 2021. Os vocais experientes de Patric e a incrível interação entre guitarras e teclados criando temas semelhantes a hinos em uma seção rítmica sólida e poderosa.

Após o último álbum “Rise Of The Dragon Empire”, a banda aumenta ainda mais as apostas desta vez, o novo álbum ‘Creatures Of The Dark Realm’ está chegando em 28 de maio e se propõe a ofuscar seus antecessores.

Quando a banda sueca de power metal Bloodbound apareceu em 2005 com seu álbum de estreia, “Nosferatu”, foi um álbum que celebrou a admiração da banda por ícones do metal como Iron Maiden, Helloween e Judas Priest, gravado com um orçamento pequeno, sem visões de grandeza por trás isto. Com oito álbuns de estúdio, um disco ao vivo e um EP sob seus cintos desde então, Bloodbound voltou em 2021 com o álbum número 9, “Creatures Of The Dark Realm”, e um impulso renovado para levar a banda ainda mais longe.

Sem nenhuma balada à vista, o novo álbum é um ataque acelerado por meio das canções “Eyes Come Alive”, “The Gargoyles Gate”, “Ever Burning Flame”, “The Wicked And The Weak” e a faixa-título. Bloodbound não tem medo de mudar as coisas, no entanto, oferecendo um hino de groove pesado com “Kill Or Be Killed” e metal comercial direto no primeiro single, “When Fate Is Calling”, sempre mantendo as coisas frescas de uma música para o seguinte passo.

Confira o single:

Fã de sludge/stoner/doom e bandas pontuais de várias outras vertentes. Paulistano esperando a volta segura de shows, fã de uma boa competição, seja ela qual for. Aqui na Rede Metal faz curadoria e publicação de conteúdo e toda parte administrativa e estratégica.